Índice

Anúncios in-content: o que são?

Anúncios in-content, conhecidos como anúncios in-article no Google Adsense, são blocos de anúncios exibidos entre parágrafos de texto enquanto você rola a tela por um artigo ou post de blog. Eles podem ser inseridos nas versões desktop e móvel de um site e geralmente mostram alto desempenho se comparados com outros tipos de anúncio, já que aparecem lá onde o usuário está mais engajado.

Exemplos de layouts de sites para computadores com anúncios in-content.

Vantagens dos anúncios in-content

  • Maior visibilidade – Como são mostrados dentro do conteúdo principal de uma página, é mais provável que sejam visíveis na tela.
  • Ótimo para dispositivos móveis – Anúncios dentro do conteúdo funcionam bem em telas de celular mais estreitas, onde geralmente não há espaço para anúncios em outros lugares, como na lateral da página.
  • Maior engajamento – Além de serem mais visíveis, os anúncios in-content também são mais facilmente percebidos pelo leitor, pois aparecem dentro do conteúdo em que ele realmente está interessado, e não em outra parte da tela que ele talvez nem note.
  • Receitas mais altas – Como consequência dos fatores já mencionados, os anúncios in-content tendem a alcançar CPMs mais altos e gerar mais receita do que muitos outros formatos de anúncio.

Desvantagens dos anúncios in-content

A principal desvantagem potencial dos anúncios in-content é o impacto negativo na experiência do usuário. Por aparecer no meio do conteúdo, os anúncios podem parecer mais invasivos e incômodos. Podem ainda levar a uma mudança de layout frustrante, em que o conteúdo – caso demore para ser carregado – de repente se mexe para abrir espaço para um anúncio.

Ambos os problemas são mais comuns quando o publisher faz uso excessivo dos anúncios in-content. Embora isto seja tentador quando se busca maximizar a receita, pode ser contraproducente se a visibilidade, a velocidade do site e a experiência geral do usuário sofrerem impactos negativos.

Como otimizar artigos para se beneficiar dos anúncios in-content

Aqui apresentamos algumas diretrizes gerais que os publishers podem seguir para ajudar a maximizar seu inventário de anúncios sem serem intrusivos demais na experiência do usuário.

  • Escreva artigos mais longos (pelo menos 300 palavras). Mais conteúdo significa mais oportunidades para inserção de anúncios in-article.
  • Quebre os parágrafos longos. Parágrafos curtos, de 2 ou 3 frases, em vez de parágrafos longos, aumentam as chances de exibição de um anúncio in-article.
  • Passe o “foco” do seu post para o final. Estimule os leitores a rolarem por todo o conteúdo colocando o destaque do seu post (como uma receita, instruções de como fazer, um download, material para imprimir ou vídeo) no final.
  • Adicione mais imagens. Imagens verticais são as melhores, mas qualquer foto vai ajudar a tornar seu conteúdo mais longo em pixels e telas de dispositivos móveis.
  • Aumente o tamanho do texto e/ou a altura da linha. Aumentar o tamanho do texto e/ou a altura da linha em apenas 1 ou 2 pixels pode fazer toda a diferença na inserção de mais alguns anúncios in-article, pois pode fazer com que seu conteúdo ocupe mais visualizações de tela.

Como alcançar o equilíbrio ideal entre anúncios e conteúdo

Inserir anúncios suficientes para maximizar a receita, sem ter um efeito prejudicial significativo na experiência do usuário, pode ser desafiador. A melhor combinação é diferente para cada site, então é importante fazer testes. No entanto, na nossa experiência, publishers normalmente apontam que mostrar um anúncio a cada duas ou três telas é o ideal.

Depois de decidir onde e com que frequência você deseja que seus anúncios in-content apareçam, existem várias formas de inseri-los na página.

  • Coloque os banners manualmente. Esta é provavelmente a opção mais demorada. Sim, ela garante que os anúncios serão exibidos exatamente nos lugares planejados, e você pode ajustar a disposição deles ao comprimento e às características de cada artigo. Contudo, se em algum momento algo der errado, será necessário modificar, atualizar ou remover completamente o código.
  • Insira vários banners no template da página, focando na quantidade mínima de conteúdo. Nesse caso, é muito mais fácil editar os posicionamentos, pois o template é aplicado em todos os artigos de uma vez, mas esta ainda não é uma solução universal. Muitas vezes vemos sites que têm um artigo em uma tela e meia em uma página e dois blocos inseridos nela, e em outra página um artigo em 10 telas e os mesmos dois blocos são inseridos no início, e o restante do conteúdo é não monetizado.
  • Escreva seus próprios scripts para inserir banners em intervalos definidos. É mais eficaz do que as opções anteriores, mas requer um certo nível de conhecimento e recursos. Além disso, é difícil conseguir um espaçamento uniforme dos blocos, porque os scripts muitas vezes são baseados no número de parágrafos, que podem variar significativamente em tamanho.
  • Use os banners inteligentes da Clickio. Eles facilitam o posicionamento automático de anúncios em pontos adequados ao longo do artigo, com base no tamanho de cada página, e podem ser configurados de acordo com as necessidades de cada publisher. Por exemplo, você pode configurar o intervalo desejado entre as inserções em pixels ou em número de telas do dispositivo em que o site é visualizado. Também é possível proibir a exibição de anúncios em artigos muito curtos, configurar um recuo obrigatório de determinados elementos da página (por exemplo, imagens ou banners de anúncios colocados de outra maneira) ou definir o ponto a partir do qual a veiculação de anúncios será iniciada. Várias combinações dessas configurações permitem que você alcance praticamente qualquer disposição que considerar ideal.

Se você deseja experimentar nossos banners inteligentes, cadastre-se gratuitamente na Plataforma Clickio, e nós vamos configurar a ferramenta inteligente individualmente para o seu site.